Programa Nascente Viva é lançado no Palácio Araguaia

27/02/2013 - 14:18 - Luiz Melchiades

Manuel Junior

De acordo com Alan Barbieiro, o programa vai dar condições para que as nascentes do estado sejam preservadas

O Governo do Estado lançou nesta quarta-feira, 27, o edital do Programa Nascente Viva, no valor de R$ 1 milhão, para recuperação e revitalização de nascentes e olhos d’água em bacias hidrográficas do Tocantins. O lançamento aconteceu no Palácio Araguaia com a presença de representantes de cerca de 15 entidades da sociedade civil organizada.

Na ocasião, o Governador Siqueira Campos comentou que apesar do Tocantins ser o Estado com o maior potencial hídrico aproveitável do Brasil, há ameaças de rios que secaram no Bico do Papagaio e na região sudeste. “Isso são sinais que merecem a nossa atenção. Temos que tomar providências enquanto é tempo”, frisou.

De acordo com o secretário do Meio Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável, Alan Barbiero, o programa vai dar condições para que as nascentes do estado sejam preservadas. “O Tocantins é muito rico em água, mas infelizmente algumas nascentes estão morrendo em função da própria ação humana”, declarou.

Ainda durante o lançamento, Barbiero defendeu a iniciativa do Governo em apoiar as organizações civis para implementar ações ambientais. “É impossível realizarmos ações de desenvolvimento sustentável sem a mobilização e a participação da sociedade.”, destacou.

Fundo Estadual

O edital é financiado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos (FERH) e apoiará ações de plantio e manutenção da mata ciliar e programas de educação ambiental. Podem concorrer entidades da sociedade civil organizada com projetos que tenha o valor máximo de até R$ 100 mil.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e ficam abertas até o dia 25 de março. Para efetivar a inscrição o proponente deverá protocolar o projeto na sede da Secretaria, observando o regulamento e os formulários que estão disponíveis no site da Semades (http://semades.to.gov.br/conteudo/editais/435).

A previsão é que o resultado final das instituições contempladas sejam divulgados até o dia 22 de abril.

Revisão: Natália Ferraciolli

Compartilhe esta notícia: